5 razões para justificar a necessidade de investimento em novas tecnologias para os diretores da sua empresa

 Em Sem categoria

Não é incomum que gerentes de TI encontrem resistência da diretoria quando vão requisitar verba para o investimento em novas tecnologias na empresa. Muitas vezes, o valor em adotar essas novidades é bem óbvio para toda a equipe de tecnologia, mas não está tão claro para quem não é especialista na área.

E quando esse investimento em novas tecnologias é essencial para a modernização e competitividade do negócio, é um papel do gerente de TI triunfar nesse conflito interno e conseguir trazer recursos para a área. Mas como fazer isso sem criar atritos que podem ser negativos para o ambiente de trabalho?

Neste artigo, separamos cinco dicas para ajudar gerentes que precisam persuadir diretores e investidores para conquistar investimentos em inovação na empresa. Confira!

1. Descreva como as novas tecnologias vão potencializar a geração de valor

Comece a persuasão explicando como a tecnologia que precisa ser adotada na empresa funciona, sem focar nos detalhes técnicos, mas apenas descrevendo como ela pode potencializar a geração de valor no negócio.

Isso é um pouco mais simples quando a tecnologia é algo incremental: se a empresa adquirir máquinas mais velozes, por exemplo, o tempo gasto com os processos será reduzido e a produtividade aumentada.

Mas, quando a nova tecnologia é algo verdadeiramente inovador e que vai trazer um impacto mais profundo, modificando processos e até mesmo extinguindo alguns, essa explicação pode se tornar mais complexa.

Se esse for o caso, se prepare para uma apresentação mais didática sobre como a geração de valor é feita na empresa hoje e como ela pode ficar muito melhor quando as novas tecnologias forem adotadas.

Para preparar essa argumentação, lembre-se de que será preciso compreender qual é a visão que os gestores têm da geração de valor no negócio e desenvolver a apresentação a partir dela.

2. Explique que os gastos com novas tecnologias são investimentos

Uma das razões que pode desencorajar a diretoria é o alto custo que uma nova tecnologia pode ter. Muitas vezes, para adotar uma solução melhor para a empresa, será necessário reconstruir parte da infraestrutura existente, o que pode significar um gasto elevado.

Uma forma de evitar uma rejeição da diretoria com base nos valores que envolvem as novas tecnologias é apresentar esse custo como um investimento, e não uma despesa desnecessária do negócio.

Custos são representações de gastos com manutenção daquilo que a companhia já possui. Alguns custos são imprescindíveis para a operação e precisam ser assumidos pela empresa, mas outros podem ser evitados para gerar economia.

Se a diretoria da empresa enxergar a tecnologia como um custo, é improvável que ela direcione verba para ela.

Mas, diferente de um custo, um investimento é algo que vai se pagar no longo prazo, agregando valor ao negócio e reduzindo os gastos reais da operação. E, normalmente, a adoção de uma tecnologia inovadora se enquadra nessa categoria.

Portanto, para justificar um alto valor inicial, explique que esse investimento será uma economia futura, que maximizará a produtividade de algumas das atividades da empresa.

3. Fundamente seus argumentos com dados

Sempre que for negociar com a diretoria, venha armado com o máximo de dados possíveis. Os bons gestores são aqueles que tomam suas decisões baseadas em números e não em intuições ou emoções.

Logo, não adianta muito fazer um discurso carregado de emoção para tentar convencer a diretoria da necessidade de se modernizar a empresa. Chegue com números, estimativas e métricas, que são os fatores mais decisivos para o processo de tomada de decisão.

Contra fatos não há argumentos, e os dados são a forma mais bruta e sólida de se apresentar um. Se existem números que indicam a necessidade de adoção de uma nova tecnologia, faça questão de utilizá-los.

Mesmo se forem estimativas baseadas em projeções futuras, os dados são uma forma clara de se demonstrar a necessidade de algo.

Não é preciso ser um especialista na área de tecnologia para compreender os números, e uma argumentação fundamentada em dados tem um poder de convencimento muito maior.

E se você não encontrar dados que justifiquem a adoção das novas tecnologias, vale a pena refletir se elas são realmente necessárias antes de levar a proposta para a diretoria.

4. Clarifique os detalhes técnicos das tecnologias

Esse é um recurso que não deve ser usado como primeira alternativa de convencimento, mas, se ainda existir resistência após tudo o que já foi sugerido acima, vale a pena chegar nessa etapa.

Como já foi dito, a principal razão para que a diretoria barre uma sugestão de uma nova tecnologia é a compreensão turva do que esse investimento representa para a empresa. E se mesmo com bons argumentos e dados essa posição não mudar, talvez seja o momento de fazer uma descrição mais aprofundada dos detalhes técnicos dessas tecnologias.

Uma explicação que clarifique os detalhes técnicos das tecnologias que estão sendo sugeridas aos gestores pode parecer algo entediante, mas pode ser necessária para aprofundar o entendimento deles a respeito dessa proposta.

Além disso, expor detalhes técnicos também pode ser interessante para chamar atenção para os conhecimentos especializados de quem está fazendo essa apresentação.

Normalmente, bons gestores conseguem reconhecer e respeitar a autoridade de um especialista, enxergando valor naquilo que ele diz, mesmo sem compreender todas as minúcias do assunto.

5. Destaque a importância das novas tecnologias para a sobrevivência do negócio

O último apelo nesse tipo de argumentação é algo válido quando o investimento proposto é crucial para o sucesso futuro da empresa.

Se esse for o caso, coloque na mesa não só como essa tecnologia pode ser útil para o negócio, mas também como ela vai transformar a concorrência, deixando a entender que ficar para trás pode prejudicar de forma decisiva a competitividade do negócio.

Cite exemplos de empresas que foram cegas para a mudança e perderam seu domínio de mercado para outras soluções inovadoras, como o que aconteceu com a Kodak quando os celulares com câmera chegaram no mercado, ou o destino da Nokia e Blackberry depois do lançamento do iPhone.

Se for realmente necessário adotar essas novas tecnologias para garantir a sobrevivência do negócio, use tudo que estiver ao seu alcance para provar isso à diretoria. E se ainda assim a proposta de investimento em novas tecnologias for recusada, deixa para o tempo provar quem estava do lado certo dessa argumentação.

E agora que você aprendeu cinco razões para justificar a necessidade de investimento em novas tecnologias para os diretores da sua empresa, aproveite o embalo para curtir nossas páginas no Facebook e LinkedIn e ficar por dentro de mais conteúdos como este!

Posts recentes

Deixe um comentário